CCFY ~ Fuck you 007, we are romans!

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

CCFY ~ Fuck you 007, we are romans!

Mensagem por Evie Farrier em Ter Maio 09, 2017 11:10 pm




Operação Bond
Let's dance all night


O clima estava tenso no escritório da pretoria. Eu podia sentir os olhos castanhos de Rebecka cravados em minhas costas enquanto organizava alguns papeis espalhados sobre minha mesa. Não era um clima pesado por desentendimento ou desavenças com a filha de Baco. Era o clima que antecipava uma missão importante. Grandiosa o suficiente para ser classificada como confidencial. Era o olhar preocupado da jovem romana que acompanhava meus movimentos, gritando palavras em meu ouvido mesmo que sua boca estivesse fechada.

-Sua positividade tá encantadora hoje – comentei em um tom suave, terminando de colocar as passagens dentro de um envelope.

-Você não deveria ter aceitado – ela acusou pela centésima vez - É perigoso para os dois!

-Sou uma semideusa legionária como qualquer outro aqui, Becka. Não é porque estou em um cargo político que eu vou me esconder na politicagem – fechei a minha mochila assim que terminei de colocar o envelope ali, a ajeitando logo depois em meu ombro esquerdo – Vai estar tudo bem. Eu sempre volto e dessa vez só vou levá-lo até a missão. Confio nele o suficiente para descobrir o que precisamos.

Becka cruzou os braços e permaneceu encarando-me com o cenho franzido. Eu não a culpava, apesar de que sua preocupação estava começando a abalar um pouco toda a confiança que eu tinha erguido ao redor de mim. Aproximei da outra pretora, tocando seu ombro de uma maneira acolhedora e tenra.

-Não coloque o acampamento abaixo enquanto eu estiver fora. Mande uma equipe de busca se o garoto não retornar em três dias.

-Se vocês não retornarem, Farrier!

Dei de ombros como se esse detalhe não fosse tão importante. Duvidava que os senadores e políticos fossem gastar verbas para irem atrás de uma filha de Nox. Apesar deles terem aceitado rapidamente a minha candidatura para a missão secreta de alto risco.

Mais cedo, logo nas primeiras horas daquela manhã, havia acontecido uma reunião com os membros da Inteligência Romana. Não era bem um grupo formal e com um nome próprio, eu apenas os chamava assim por ser um encontro mensal das mentes mais brilhantes do Acampamento Romano. Desde que Nox havia atacado os acampamentos, aqueles encontros que eram antes facultativos passaram a ser obrigatórios. Agora, depois de tanto tempo, finalmente tínhamos uma boa pista a ser seguida. O problema? Eram os altos riscos que a missão oferecia por ser, nada mais nada menos, do que uma missão secreta de espionagem no lugar mais inusitado do mundo.

-Você deveria deixar-me ir com você – Becka protestou em meio a um resmungo.

-O acampamento precisa de uma de nós duas aqui – argumentei mais uma vez, ajeitando a mochila em meu ombro enquanto abria um sorriso de lado – E você sabe que eu já tenho alguém perfeito para cumprir a parte principal da missão.

(...)

Antes mesmo de adentrar o alojamento da II Coorte, eu escutava a música ressoando abafada. Abri um sorriso travesso, empurrando a porta que separava o cômodo do resto do mundo. Tive de mordiscar com força o lábio inferior, impedindo-me de produzir qualquer som que fosse denunciar a minha presença. Afinal, não era todo dia que iria ver um filho de Netuno de 1,90m de altura, dançando sem camisa e trajando uma calça de elástico preta, tênis extremamente branco e um boné de moleque na cabeça.

Gerrard era sempre surpreendente, quando eu pensava que já o tinha visto fazendo de tudo o um pouco, ali estava um momento para inovar a lista de tantos outros. Adentrei o lugar ainda de modo silencioso, observando os passos rápidos e ágeis que ele dava. Não podia deixar de admitir que ele dançava muito bem, apesar de ser engraçado a situação dele estar no meio do alojamento dançando praticamente escondido dos outros.

-Lindo! Gostosão! – exclamei assim que ele executou o último passo de dança, levando dois dedos a boca para produzir um assovio animado e forte – Pena que eu não trouxe nada para filmar.

Eu tinha um sorriso divertido nos lábios, esquecendo por alguns segundos o verdadeiro motivo de estar ali: convocar o filho de Netuno para uma missão secreta quase suicida. Oh sim, era ele a minha escolha e em minha mente, era a escolha perfeita para o que estávamos prestes a enfrentar.

Template made by Kyra


Última edição por Evie Farrier em Qua Jun 14, 2017 3:04 pm, editado 1 vez(es)

Evie Farrier

Mensagens : 2
Data de inscrição : 09/05/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: CCFY ~ Fuck you 007, we are romans!

Mensagem por Evie Farrier em Qui Maio 11, 2017 8:18 pm




Operação Bond
Let's dance all night
Eu poderia apostar que meus olhos dobraram de tamanho ao ver a aliança no dedo de Gerrard. Estava surpresa, como não poderia estar? Eu nem ao menos tinha a informação de que ele estava vendo alguém mais a sério e agora ele estava até mesmo com uma aliança!

-Deuses Ger! Isso é uma ótima novidade! – exclamei sem conter-me – Estou feliz por você, terá de me contar depois como foi o pedido! – mas o período de animação não perdurou muito tempo, o filho de Netuno era esperto para saber que aquela não era uma visita qualquer. Soltei um longo suspiro, ordenando as informações na minha mente enquanto ajeitava a minha postura. Ali estava a pretora mais uma vez, não apenas uma amiga de coorte – Pensou certo... Eu vim para convoca-lo para uma missão.

Dei alguns passos para trás, começando a caminhar de um lado para o outro. Eu não poderia apenas obriga-lo a ir comigo. Apesar de realmente ter esse tipo de poder, eu tinha pleno conhecimento do quão perigoso era esse tipo de missão. Por isso, eu precisava explicar para o legionário e meu amigo o que ele estava aceitando.

-Você sabe que desde que Nox fez sua cartada os Acampamentos estão desconfiados de que um grande confronto está para acontecer – disse parando de andar e cruzando os braços – Mas eu posso colocar minha mão no fogo grego de que esse período de “calmaria” é apenas preparação para uma verdadeira guerra. Eu e Rebecka montamos grupos de inteligência e finalmente obtivemos alguns resultados. Há uma atividade estranha acontecendo em um lugar específico e, secretamente, iremos lá investigar isso. Infelizmente eu não poderei acompanhá-lo a todo o momento, meu rosto já se tornou conhecido como Pretora do Acampamento Júpiter e poderia acabar com o disfarce – sorri de lado, tombando a cabeça suavemente enquanto observava as reações do garoto – Perigoso. Ultrassecreto. Missão de infiltração, pesquisa e depois sair correndo. Acho que consegui resumir tudo.

E lá estava a reação positiva que eu esperava do grande garoto. Eu não precisava de alguém apenas para ter vantagem em uma luta em uma ilha. Eu precisava de alguém em quem confiar, em quem contar sem pensar duas vezes. A sensação de estar certa sobre minha escolha me fez sorrir grande antes de pigarrear e finalmente retornar a minha postura de líder dos romanos.

-Sairemos em uma hora, me espere na frente do túnel Caldecott. Estarei com o equipamento de espionagem e tudo o mais. Leve o que achar necessário e se sentir confortável, ok? Se alguém perguntar, lembre-se de responder que é uma missão de resgate no Texas apenas.

Uma última despedida e eu deixei o garoto para que ele pudesse preparar-se para a missão. Uma hora era relativamente pouco para preparar-se para uma missão como aquela, mas não tínhamos tempo a perder. Infelizmente, poderia haver um espião no acampamento romano, como já havia acontecido tantas outras vezes nos últimos embates olimpianos. Precisávamos agir antes que qualquer informação vazasse e desse tempo para o inimigo se reorganizar.


(...)


O ronco do motor da moto podia ser escutado de longe. Era impossível não atrair olhares de alguns jovens legionários enquanto pilotava a Destruidora. O nome que eu não havia escolhido, mas não poderia ter outro melhor para substitui-lo. Era no modelo Yamaha VMAX personalizado, um monstro de metal com poderes mágicos. Eu não podia mentir e dizer que não estava animada em usá-la pela primeira vez em uma missão. Oh merda, eu estava extremamente animada.

Como combinado, avistei Gerrard na entrada do túnel. Acelerei até o corpo grande do garoto, parando a moto ao seu lado. Retirei o capacete que usava, esticando na direção dele.

-Espero que goste de velocidade – foi o comentário que fiz enquanto aguardava ele aceitar o capacete – Use-o, a moto vai me proteger de qualquer maneira.

Para aquela missão, usaríamos a moto para chegar até o ponto mais próximo do objetivo. Em minhas costas havia uma mochila pronta com o equipamento de espionagem, feitos especialmente por filhos de Vulcano. Além de alguns outros itens que eu tinha e que eu considerei serem úteis para a missão. Fora isso, trajava calças jeans, coturnos, uma blusa branca e uma jaqueta escura. Em meus dedos, haviam vários anéis que davam uma aparência ainda mais “badass”, mas que não eram apenas simples acessórios, eram meus itens bélicos. Escondido na altura de meu tornozelo estava a minha kunai de bronze celestial. Em minha cintura, preso a uma bainha, a minha espada Supremacy.

Esperei Gerrard montar na moto, mordendo o lábio inferior para conter o riso. Era uma cena relativamente engraçada, já que eu com meus 1,65m estava pilotando a moto, enquanto ele com seus 1,90m estava atrás. Definitivamente, era uma cena e tanto, mas era o nosso meio de viagem mais rápido e relativamente seguro. Mas antes de fazê-lo, o garoto presenteou-me com um discurso que me fez arfar, franzir o cenho e depois ter uma expressão um tanto brava ao fitá-lo.

-Ninguém aqui é perfeito, Gerrard. Todos nós temos atitudes erradas e corretas, como reagimos depois de uma ação também é fundamental. Até mesmo eu já errei em minha trajetória - argumentei e soltei um longo suspiro, mesmo falando de maneria mais natural possível, ainda doía um pouco admitir em voz alta - Não se preocupe em manchar minha reputação, minha própria mãe já fez isso. Você é alguém muito próximo de mim Gear, eu fico na verdade muito feliz de saber que o sentimento é recíproco. Agora vamos que temos de chegar a tempo para que cumpra a sua parte na missão. Segure-se firme!

O garoto finalmente estava na garupa, despediu-se de seu belo mascote e a aventura de fato começou!

(•••)

Eu tive de virar todo o meu corpo para observar de perto a reação de Gerrard ao ver onde nós estávamos. Viajar com a Destruidora, nome que Pandora abençoou o veículo, era terrivelmente mais rápido do que qualquer outro meio comum. Pela manhã deixávamos São Francisco, para no início da tarde já estarmos em um dos pontos mais famosos de todo o mundo: Disney World. Foi impossível não conter o riso com as caras e bocas que o filho de Netuno fazia, seu olhar inquisidor fazia mil perguntas em minha direção.

-Se você parar para pensar é até brilhante. O público que vem a Disney é basicamente infanto-juvenil, a idade em que os poderes dos semideuses estão começando a aflorar. O mundo de fantasia permite que coisas esquisitas se tornem normais, fazendo com que um monstro possa passar até mesmo sem a névoa auxiliando. O movimento constante mesclaria os cheiros. O disfarce das fantasias e dos castelos... É um fucking esconderijo, eu tenho certeza disso. Crianças começaram a desaparecer aos redores, a polícia local não consegue relacionar ao parque porque a névoa cobre todos os rastros monstruosos. Mas tudo indica que algo está sendo feito lá dentro. Sua missão é de pesquisar durante o dia e se infiltrar durante a noite, de preferência de madrugada - retirei a minha mochila e joguei na direção do garoto - Itens de espionagem estão ai dentro, tentei reunir as coisas mais úteis, use com sabedoria. Também há um pequeno item de alarme, o pressione apenas se precisar de reforço. Os tickets de entrada estão no bolso da frente. Estarei por perto para ser a cavalaria se for necessário. Tome cuidado Gear, o Mickey Mouse sempre pode ser um assassino no fim das contas e o Pluto um cão infernal...

Foi impossível manter-me séria enquanto fazia a piada no final de minha frase. Esperei que o rapaz tirasse todas as dúvidas para colocar o capacete e deixá-lo na porta do mais famoso parque temático do mundo. Eu permaneceria no centro da cidade, aproveitando para rondar o local e descobrir sobre as atividades esquisitas que estavam acontecendo por ali, ou se isso havia sido apenas mais um exagero de um dos senadores paranoicos.


Itens:
Itens

•Destruidora [Uma moto do modelo Yamaha totalmente negra. Foi encantada e modificada, atinge a velocidade de até 320 cavalos e apresenta algumas peculiaridades| A moto foi encantada com magia, logo pode ficar intangível, ou seja, basta pressionar um botão um pouco abaixo do acelerador e ela literalmente vai atravessar materiais sólidos. Sua segunda propriedade é dada pelo segundo botão, esse permite a Yamaha sobrevoar e flutuar livremente pelos ares, nesse estado as rodas da moto recuam, e abaixo de si uma nevoa surge, dificultando aos inimigos a seguirem seu rastro facilmente. Mas, isso não é tudo. Assim que seu portador monta na moto é equipado para ficar tão protegido quanto o restante do veículo, ao colocar os pés no apoiador duas botas circularão suas pernas, no guidão surgem luvas, e isso tudo não é suficiente para completar seu visual. A combinação de botas e luvas se expande, e formam uma roupa protetora ao redor de seu portador, com manoplas nos pulsos e uma couraça para proteger o peito, por ser emborrachada se ajusta perfeitamente ao corpo do piloto da moto, e foi encantada para se tornar intangível com o restante do equipamento, impedindo o piloto de se machucar. Por último, mas menos importante, a frente do veículo foi equipada com um compartimento secreto, dentro dele é possível guardar pequenas coisas de artilharia, como dardos, e lançar em seus inimigos, para isso basta apertar o terceiro botão da moto, o de coloração vermelha | Metal e Borracha| Espado para uma Gema | Gama | 100% sem danos | Mágico | Criação da Pandora ]

• O Guardião  (x2) [Um capacete de motoqueiro totalmente negro, com vidro fume na parte frontal que impede a qualquer um de identificar o seu portador | Pode deixar seu portador intangível, podendo atravessar paredes quando em uso. Além disso seu espelho frontal pode confundir o inimigo, ou até mesmo aumentar sua visão, dobrando seu campo de visão ou criando um segundo campo de visão atrás de si. Ou seja, lhe permite ver o que está atrás e o que está na frente. | Metal | Gama | Status: 100% sem Danos| Mágico |   Criação da Pandora]

• Supremacy [Supremacy é uma espada de tamanho mediano, de duplo corte. Mas possui a habilidade de separar-se e transforma-se em duas espadas gêmeas, de corte único. O fio de corte é extremamente afiado. Em sua forma original ela é feita de adamantino e ouro imperial e com as pedras de esmeralda real e rubi real conferindo um bônus no crítico e no dano provocado. As pedras mágicas são localizadas na empunhadura. Quando separadas, as espadas gêmeas assumem um dos metais e uma das pedras. A espada de ouro imperial é acompanhada com o rubi real, que acrescenta 20 de dano causado, esse material provoca sangramento continuo apenas em semideuses, assim como perda contínua de 10 de dano. A espada de adamantino leva a esmeralda real, que aumenta o crítico em 30%, esse material provoca sangramento continuo em todos (menos seres divinos)| Efeito: Ela tem o efeito de sempre retornar ao dono depois de algum tempo – Bônus¹: Sangramento contínuo em semideuses + 20 de dano bruto e efeito de 10 HP por turno após um golpe efetivo – Bônus²: Sangramento em qualquer inimigo + 30% de chance extra de se conseguir dano crítico e efeito de 10 HP por turno após um golpe efetivo. | Adamantino e Ouro Imperial | Rubi Real e Esmeralda Real | Resistência: Alfa| Status: 100%, sem danos. |Comum - Mágico | Nível mínimo para manejo: 30| Forjado por Andrew J. Parker]

Kunai Viajante [É uma arma idêntica ao do anime Naruto, mas feita com bronze celestial, foi marcada com um feitiço conhecido como “marca veloz” ligado diretamente ao sangue de sua portadora (Evie), o que lhe permite viajar através dela. Ou seja, toda vez que a garota lançar o objeto, poderá ativar seu poder, e transportar o corpo até a arma, mudando sua posição em campo completamente. Isso pode ser feito inclusive quando o objeto estiver viajando no ar. | Efeitos: teletransportar a romana até o item ao ativar a magia da marca | Material: Bronze Celestial | Sem espaço para gemas | Resistência: beta | Status: 100%, sem danos | Mágico | Encantado por Pandora; presente de aniversário dado por Georgia]

Amethyst Barrier [Um anel de ouro detalhado com cristais e agua corrente, que formam o nome de sua portadora cada vez que se movem – a agua dentro do anel tem vida própria, pois foi marcada com uma runa de vento para causar movimentação e formação – possui uma pedra de amethyst em seu centro | Efeito¹: Esse anel possui duas propriedades distintas, sendo a primeira delas a invisibilidade. Sempre que desejar Evie poderá usar o anel e tornar seu corpo totalmente invisível como o de um fantasma, o que impede que a garota seja detectada por olhares mortais, de criaturas ou de monstros. Isso não oculta seu cheiro ou os sons causados por ela, mas é suficiente para esconde-la pelo tempo que desejar. Efeito²: Por último, o anel foi marcado e selado pelo feitiço Defensorem, que permite a Evie rebater e lançar – por até três turnos – magias ofensivas lançadas contra ela. Gasto de 5 mp por turno de invisibilidade usada, e de 15 MP pela magia Desendorem sempre que essa for utilizada. | Material: Ouro | Sem espaço para gemas | Resistência: gama | Status: 100%, sem danos | Item Mágico | Encantado por Pandora; presente de aniversário dado por Gerrard]

Exórdio [A princípio apresenta-se como um anel negro repleto de runas antigas de aparência simples, e material resistente, até mesmo raro. Ao ser ativado no entanto, transforma-se em um cajado negro com um brilho de poder único, cuja a aura brilha em um tom de azul cintilante no local em que as runas de poder, força, sabedoria, e conhecimento estão entalhadas. Mais ao centro do cajado o nome de seu portador foi gravado. O cajado tem cerca de 1 metro e meio, e em sua ponta uma esfera arredondada dá a ele a aparência de ser uma arma nobre | O cajado possui duas propriedades distintas, sendo a primeira a redução do gasto de MP em 50% em todos os feitiços executados por seu portador. A segunda, no entanto, é que apresenta perigo. O cajado consegue abrir fendas em qualquer espaço tempo da terra, criando passagens e portais que permitem ao seu portador viajar entre os mundos, ou esse mundo. Essas passagens consomem energia de seu conjurador (HP), sendo possível extrair até 50% do HP  total de seu portador a depender do local para onde ele deseja ir, ou seja, quanto mais longe, mais distante, ou mais perigoso, maior a quantidade de energia gasta pelo conjurador do portal | Arambarium, Adamantino, e madeira | Espaço suficiente para uma gema simples | Status 100%, a arma não apresenta nenhum dano | Lendária |Alfa Prime | Nível 10, consome energia física do seu portador (HP), caso seja usado em excesso |  Ganho no Evento: A mente liberta]


Template made by Kyra

Evie Farrier

Mensagens : 2
Data de inscrição : 09/05/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum